Atrésia Anal Completa

Em 2017 apresentou-se à consulta externa da Vet Póvoa uma gatinha recolhida da rua com um defeito na região perineal.

A GATINHA NÃO TINHA ÂNUS, O QUE FAZIA COM QUE AS FEZES SAÍSSEM PELA VAGINA

A atrésia anal completa é uma malformação congénita em que a parte final do intestino não comunica com o exterior. Felizmente, e como a natureza é eximia, o organismo conseguiu arranjar uma comunicação (fistula) entre o ânus e a vagina por onde saiam as fezes, permitindo assim o funcionamento intestinal.

Rapidamente foi observada pela nossa equipa de cirurgia e, apesar de explicado aos protetores da gatinha as possíveis complicações e a provável incontinência fecal futura, ficou decidido pôr mãos à obra para tentar resolver o problema.

 

A “BOTÃO” FOI SUJEITA A DUAS INTERVENÇÕES CIRURGICAS TENDO REAGIDO MUITO BEM NO PÓS-OPERATÓRIO

 

Depois disso, a Botão voltou à nossa clínica apenas para rotinas, já foi sujeita a ovariohisterectomia (esterilização) e teve uma gastro-enterite simples.

 

 

 

 

A “BOTÃO” CONTROLA COMPLETAMENTE AS FEZES E A URINA, UTILIZANDO A LITEIRA COMO QUALQUER OUTRO GATO

HOJE É UMA GATA FELIZ COM UMA QUALIDADE DE VIDA EXTRAORDINÁRIA.